CASES 

CASE 01

Como fazer o Planejamento Estratégico sendo que o setor deverá sofrer enormes transformações em pouquíssimo tempo?

 

Este foi o ponto de partida deste projeto, cujo cliente é um unicórnio de mobilidade urbana.

Para isto, fizemos os seguintes movimentos:

 

a) Adicionamos no Planejamento Estratégico o Planejamento por Cenários – ferramenta que pressupõe identificar inúmeros possíveis cenários para o setor e para a empresa, considerando as variáveis mais importantes do negócio.

 

b) Trouxemos para o Planejamento Estratégico o time de “OPS” (operações). Enxergamos que estes colaboradores têm a capacidade não só de enxergar variáveis e cenários, como também elaborar planos de ação.

​Como resultado:

 

1- Nosso cliente passou a ter mais claro as variáveis internas e externas mais importantes que devem ser monitoradas, e o nível de impacto no seu negócio.

2 - Empoderamos o time, provocando que trabalhem mais estrategicamente.

 

3 - Planos de ação foram desenhados para cada cenário, de forma que, se efetivando determinado cenário, a execução do plano ocorra rapidamente.

Planejamento Estratégico em um Unicórnio de mobilidade urbana

CASE 02

Como criar Sentimento de Dono na nossa equipe?

 

Este foi o ponto de partida do nosso cliente, um unicórnio de mobilidade urbana que entende que seu time é seu principal ativo – e quer tê-lo muito empoderado.

 

Para isto, criamos um Off-Site, um dia fora do escritório repleto de atividades de desenvolvimento e descontração. Do café da manhã a festa de fechamento, realizamos 7 atividades de Desenvolvimento de Pessoas, baseados no desenvolvimento da Percepção Estratégica e Tomada de Decisão. 

 

Como resultado, este Off-Site ressignificou a palavra TIME para a equipe, gerando novas conexões e melhorando o fluxo de tomada de decisão e realização da ação.

Desenvolvimento de Lideranças para uma empresa de Tecnologia

CASE 03

Como preparar a empresa para mudanças importantes no setor, logo após um movimento de duplicação do seu tamanho?

 

Este foi o ponto de partida deste projeto, cujo cliente é uma empresa tradicional, líder nacional no seu segmento, que duplicou seu faturamento e quadro de funcionários nos últimos 2 anos, e cujo setor sofrerá uma grande impacto da tecnologia. Ainda, a empresa começa a preparar a sucessão do seu principal gestor.

 

Para isto, fizemos os seguintes movimentos:

 

a) Diagnosticamos a situação do setor e principalmente da empresa, entendendo os anseios da equipe e dos líderes do negócio.

 

b) Repensamos o organograma da empresa e a atuação dos principais líderes do negócio; desenvolvemos novas métricas de contratação, avaliação e promoção de funcionários – de acordo com as novas demandas da atividade; treinamos as novas lideranças para as mudanças na gestão; e reorganizamos a agenda gerencial.

 

Como resultado:

 

1 - Criamos a nova área de Inovação, capitaneada pelo sucessor do negócio, que terá a responsabilidade de desenhar e colocar em prática o futuro da empresa.

 

2 - Reorganizamos toda estrutura de pessoas da empresa, possibilitando que os colaboradores passassem atuar mais de acordo com as necessidades da atividade, com mais clareza dos objetivos do seu trabalho

 

3 - Criamos uma agenda de transparência, em que os desafios estratégicos do negócio e os resultados táticos passassem a ser de conhecimento de todo time, empoderando os colaboradores e aumentando o fluxo de informações necessárias para a empresa seguir se transformando.

Redesenho de uma empresa tradicional - líder nacional do seu segmento - para o futuro que já chegou.

CASE 04

Este foi o ponto de partida deste projeto, cujo cliente é uma empresa inovadora de um setor tradicional. Grande parte do staff é composto por Millenials, porém os gestores tinham uma modelo de gestão de pessoas tradicional, o que provocava alto turn-over e uma atuação pouco estratégica por parte dos funcionários.

 

Para isto, fizemos os seguintes movimentos:

 

a) Geramos um diagnóstico dos colaboradores, entendendo o perfil e anseios da equipe.

 

b) Criamos um Workshop para os líderes entenderem sua equipe, a partir do diagnóstico e do estudo da geração Millenial. O próximo passo foi identificar os gaps na Gestão de Pessoas – o que deveria estar sendo conduzido diferentemente para engajar este público.

 

c) Entendendo as lacunas, criamos um novo plano de gestão de pessoas, configurado especificamente para este staff.

 

Como resultado:

 

1 - Aumentamos o engajamento, e reduzimos o turn-over.

 

2 - Geramos uma mudança na cultura, promovendo o empoderamento dos funcionários e uma atuação mais estratégica

Preparação dos Líderes para atrair, desenvolver e engajar os talentos das novas gerações.

CASE 05

Este foi o ponto de partida deste projeto, cujo cliente é uma empresa com mais de 30 anos, de um segmento também tradicional mas que sofreu mudanças pelas regras da agência reguladora – o que reduziu a necessidade de contratação dos seus clientes.

 

Para isto, fizemos os seguintes movimentos:

 

a) Criamos uma agenda de transparência: comunicamos o que estava ocorrendo na empresa para todos funcionários, inclusive os operacionais.

 

b) Criamos uma força-tarefa, composta por líderes e também pessoal do staff, cujo objetivo era identificar novos serviços que poderiam ser realizados, validá-los e coloca-los em operação.

 

c) Conduzimos a força-tarefa por 3 meses. Neste período, validamos o propósito da empresa, realizamos sessões de entrevistas e ideação com funcionários, clientes e fornecedores; compilamos 180 ideias em pouco menos de 100, e selecionamos as 20 que aparentavam fazer mais sentido para análise de mercado e viabilidade; 8 ideias passaram para fase de MVP.

 

Como resultado:

 

1 - Das 8 ideias testadas na fase de MVP, 5 se mostraram viáveis e foram implantadas como novos serviços da empresa;

 

2 - Uma das soluções foi, ainda na fase de MVP, contratada por uma multinacional do setor de medicamentos em um contrato mensal equivalente a 20% da folha salarial da empresa.

 

3 - O nível de confiança da empresa para o ano de 2019 aumentou de 3,25 para 8,75 (medições realizadas no início e na etapa final da força-tarefa).

 

4 - A equipe se sente hoje muito mais empoderada, pertencente ao negócio, encorajada para realizar atividades novas e encarar um período de grandes mudanças na empresa.

Transformação do Negócio: o setor mudou, a empresa seguiu fazendo o mesmo, e agora novas fontes de receitas precisam ser originadas para a empresa não fechar.

CASE 06

Como uma empresa que tem como objetivo proporcionar o crescimento exponencial de outras empresas pode crescer o seu próprio empreendimento, expandindo o alcance e aumentando o retorno aos associados?
 

Este foi o ponto de partida deste projeto, cujo cliente é uma das maiores Aceleradoras de Startups do país.
 

Para isto, fizemos os seguintes movimentos:


a) Trouxemos todos os sócios para uma workshop de estratégia, onde todos puderam expor e discutir as suas premissas, suposições, objetivos e expectativas em relação à operação e o seu futuro. Trouxemos tudo o que poderia estar implícito e deixamos todos seguros de estarem na mesma página sobre o contexto atual.
 

b) Identificamos os desafios presentes para o futuro e definimos a prioridade, urgência, impacto e as relações de dependência entre eles.
 

c) Realizamos uma etapa de ideação para identificar possíveis formas de enfrentar os desafios seguindo as diretrizes discutidas inicialmente.
 

Como resultado:
 

1 – Em um curto espaço de tempo, conseguimos deixar todos os sócios em sintonia sobre o contexto atual, muito mais preparados e informados para discutir sobre o futuro.
 

2 – Removemos a incerteza do implícito e reafirmamos o sentimento de unidade ao identificar como grupo que desafios merecem mais atenção.
 

3 – Todas as ideias geradas tinham uma forte chamada para ação, de forma que a execução delas pudesse começar no dia seguinte
 

Planejamento Estratégico em uma das maiores Aceleradoras de Startups do Brasil

Porto Alegre | São Paulo | Caxias do Sul

BetaHauss © 2019  - Todos os direitos de inovar.

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle

@BETAHAUSS