top of page

Por que a Transformação é TÃO desafiadora?

Nos últimos anos, praticamente todas as empresas estabelecidas embarcaram em algum tipo de transformação digital (TD).


No entanto, a grande maioria dessas empresas não conseguiu alcançar os resultados esperados. Múltiplos estudos globais têm constatado que 70 por cento ou mais das transformações digitais não conseguem alcançar benefícios sustentados.


Não podemos nos dar ao luxo de continuar errando nessa transformação.


A cada ano, as tecnologias digitais têm um impacto mais profundo nos negócios de todas as indústrias. As mudanças no consumo de mídia, na entrega de serviços digitais, no trabalho remoto e nos sistemas gerenciados por IA não estão diminuindo. Pelo contrário, estão continuando e acelerando.


Por que a transformação digital está fracassando?


O que tantas empresas estão fazendo de errado?


Empresa com pessoas trabalhando e tecnologia em 3D

Vamos começar reconhecendo que a transformação digital é desafiadora. De muitas formas, ela envolve um tipo de equilíbrio. TD não pode ser apenas um esforço para "digitalizar" o negócio legado - isto é, atualizar a tecnologia existente, reduzir custos e melhorar a experiência do cliente com suas ofertas atuais.


Para se manter relevante, sobreviver e crescer na economia digital, cada empresa deve estar pronta para digitalizar seu núcleo e ir além dele, maximizar seu fluxo de caixa atual e investir no futuro, buscar inovações incrementais e mais radicais.


Mas você não pode reconstruir seu negócio atual e construir seu próximo negócio com as mesmas pessoas, processos e estruturas organizacionais. Você não pode usar a mesma abordagem para reconstruir o passado e construir o futuro.


Soa familiar?


A lista continua, mas esses são apenas sintomas de problemas mais fundamentais na forma como a TD é praticada.


1- Falta de VISÃO compartilhada!


Em inúmeras empresas grandes, vi o "digital" ser declarado como prioridade, mas quando você conversa com os gestores, fica claro que não há uma compreensão compartilhada do futuro digital de sua indústria, de onde seu negócio pretende competir ou do que lhes dá o direito de vencer nesse futuro. Em vez disso, há apenas um clamor genérico para "se tornar digital".


Os sintomas dessa falta de visão compartilhada são muitos... Os funcionários se movem devagar e demonstram medo da mudança, sem um claro entendimento de para onde a empresa está indo e como eles podem contribuir. Investidores relutam em investir grandes somas em projetos digitais, assim como os executivos responsáveis pelos balanços de lucro e perda (P&Ls). As iniciativas digitais da empresa são genéricas, seguindo os movimentos dos concorrentes e reagindo tardiamente às tendências de mercado. E os líderes confiam em métricas genéricas de "maturidade digital" para orientar seus esforços, pois não possuem métricas de negócios claras para avaliar o progresso na TD.


2- Falta de PRIORIDADES de crescimento


A empresa pode estar focada apenas em "digitalizar" seu passado e não olhar além disso. Ou os líderes podem carecer da disciplina necessária para definir algumas prioridades estratégicas nas quais se concentrar - problemas dos clientes a serem resolvidos ou oportunidades de negócios a serem capturadas.


Os sintomas dessa falta de prioridades são muitos: Sem um conjunto claro de prioridades, a TD carece de direção estratégica. Em vez de focar nos problemas de negócios, a TD é definida pelas tecnologias (IA, computação em nuvem, blockchain etc.) e é facilmente desviada pela última novidade brilhante. Sem um foco no crescimento, a TD concentra-se apenas em cortar custos e otimizar o negócio atual. Os esforços digitais são conduzidos por especialistas em tecnologia, enquanto o resto da organização continua o trabalho inalterado. Como resultado, a TD se desconecta das necessidades do negócio.


A boa notícia?


Felizmente, superar essas barreiras e cultivar uma transformação digital bem-sucedida é totalmente possível. Um planejamento estratégico sólido e o uso eficaz de OKRs (Objectives and Key Results) desempenham papéis cruciais nesse processo. Ao estabelecer metas claras e mensuráveis, alinhadas com a visão compartilhada, as empresas podem direcionar seus esforços de transformação de forma mais eficiente. O planejamento estratégico ajuda a definir prioridades de crescimento e a traçar um caminho claro para a inovação, enquanto os OKRs permitem monitorar o progresso de maneira tangível. Com uma abordagem estratégica sólida e metas definidas, as empresas podem navegar com confiança pelas complexidades da transformação digital, promovendo um ambiente onde a visão compartilhada inspira a ação colaborativa e orientada para resultados.


O próximo OKR Academy é dia 14/09 e ainda da tempo de participar!

Clique no banner e receba o material completo do workshop!

Banner OKR Academy

Conte com a BetaHauss para ajudar na transformação do seu negócio!

22 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page