Para vender: café!


Se você é uma cafeteria, o que pensaria em fazer para crescer o negócio? Melhorar o café? Pois bem, o Starbucks fez diferente: tornou-se a maior cafeteria não somente pela venda do seu [ótimo] produto.


A partir de 2010, quando o mundo a recém estava ingressando a fortes movimentos digitais, a Starbucks revolucionou seu mercado com um simples mas genial movimento: disponibilizou wifi de graça aos seus consumidores. Nesta ação a empresa passou a ser assunto no mercado, pois em todas as cafeterias espalhadas pelo mundo, sua clientela aumentava a cada dia, devido a utilização gratuita das redes.


A Starbucks acabou criando um modo de fidelização ao seu cliente, tornando esporádicos consumidores em fiéis clientes: cada 5 logins em redes da empresa, o cliente ganhava benefícios para serem utilizados em suas lojas espalhadas pelo mundo.


Esta estratégia reforçou ao mercado a possibilidade de reinventar seu meio, sem a necessidade de trazer um investimento tão significativo para se sobressair aos concorrentes, disponibilizando diversos outros atrativos no inconsciente do cliente.


Além dessa clássica – o WiFi, a Starbucks utiliza diversos outros “truques” para atração e engajamento de clientes. A empresa reportou publicamente, que investe significativamente mais em suas redes de treinamento e experiência do cliente do que em propagandas comuns, diferentemente da maioria de seus concorrentes.

A exemplo da Starbucks diversas empresas vêm repensando seus modelos de negócio para manterem-se vivas e competitivas em seus tradicionais mercados. E a sua empresa, será que não deveria se debruçar sobre a forma que vem atraindo e engajando clientes?


Pense nisso. E conte conosco!

Somos beta. Somos BetaHauss 🚀




27 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo